Está interessante ver como o prefeito Roberto Naves vem lidando com as duas versões dele mesmo: o Roberto do Órion era o que via muito dinheiro na prefeitura e dizia que era mal investido.

Agora, fala que a arrecadação sumiu.

Ao mesmo tempo quando ele era o Órion prometeu não cortar direitos dos servidores e nem aumentar impostos. Mas agora tanto cortou gratificações dos funcionários quanto está metendo a mão no anapolino.

Ele fez um Decreto em fevereiro desse ano e numa canetada só tascou aumento no lombo do povo. Tem gente que vai pagar a tal Taxa do Lixo (TSU) com 200% de aumento. Imagina, era 100 num ano, virou 300 em 2017.

Aí, não, né Roberto!

O pior não é nem isso. É que agora ele mandou espalhar um panfleto em que coloca a culpa no João Gomes. O papel diz que foi o João que deixou dívida do lixo em 2015 e que agora o Roberto “quer pagar” essa dívida.

Última coisa que o Roberto Órion quer é pagar dívida de João. Só bobo pra cair nessa.

A verdade é que parece que ele não está mesmo dando conta do rojão.

Se fosse pra por o povo pra pagar dívida, era melhor ter deixado o tal do João. Pelo menos imposto não subia

Toma conta direito e cumpre as promessas!

Para, Roberto!

Anúncios